quinta-feira, maio 03, 2007

(Crítica) Lady In The Water

Lady In The Water
de M. Night Shyamalan
(2006)

“I don't know who you are, but you did something to me... to my thoughts!”

Aplicar o génio artístico de M. Night Shyamalan, um dos mais talentosos realizadores da sua geração, a uma fábula interpretada por Paul Giamatti e Bryce Dallas Howard parecia-me a receita perfeita para uma obra-prima. Acaba por não o ser mas não deixa de ser uma proposta interessante.
O filme conta a história de Cleveland Heep, o encarregado de um complexo de apartamentos, que se refugiou num trabalho rotineiro para fugir aos fantasmas do seu passado. Numa noite, Heep encontra uma narf, uma espécie de ninfa saída de uma história de embalar que procura regressar ao seu mundo. No entanto, este regresso não é desejado por outras criaturas fantásticas e cada inquilino terá um papel especial na protecção da ninfa...
As interpretações de Paul Giamatti e Bryce Dallas Howard são muito boas, o sentido artístico apurado de Shyamalan está presente tal como nos seus últimos filmes e, a dada altura, pensei eu que [spoiler levezinho] estaríamos perante mais um filme magnífico onde pormenores aparentemente desconexos se unem para dar um sentido a tudo o que se passou até então. O problema reside no facto de Shyamalan ter querido ir demasiado longe, mais longe do que foi em Signs. Voltou, desnecessariamente, a baralhar as coisas e fez com que o filme acabasse por ser menor do que o seu enorme potencial.
Em suma, Shyamalan tem (muito) talento e um filme que não resulte em pleno da sua autoria mete quase todos os filmes em exibição actualmente a um canto. As qualidades de Lady In The Water são várias, Bryce Dallas Howard tem uma interpretação de encher o olho mas fica o sentimento de desilusão e a sensação de que passámos ao lado de uma obra-prima...
7/10

Etiquetas: , , ,

1 Comments:

Blogger Ru! Π said...

já venho tarde para comentar este filme. mas só descobri o blog agora.

mas... a não esquecer, as no minimo 3 vezes em que o microfone aparece em cena, não uma pontinha como em Spider-man, mas quase inteiro...

11:22 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home